Área do cabeçalho
gov.br

Este sítio foi reprojetado para melhor atendê-lo. Acesse já pelo celular e veja mais essa novidade

Portal da UFC Acesso a informação da UFC Ouvidoria Conteúdo disponível em: Português

Universidade Federal do Ceará
Clube de Libras

Área do conteúdo

Integrantes do CLibrasUFC reúnem-se com a Pró-Reitora de Extensão para apresentação de atividades futuras

Data de publicação: 13 de agosto de 2021. Categoria: Visitas do Projeto

Visita de integrantes do Projeto Clube de Libras UFC

Na foto, a Profª. Marina Figueiredo (à esquerda) descreve os planos do Projeto Clube de Libras UFC para a Profª. Elizabeth Daher (centro). A interpretação da Libras é realizada por Geisiele Souza, à direita, bolsista do Projeto e discente do Curso de Letras Libras UFC.

Na manhã desta sexta, a profª. Elizabeth Daher, Pró-Reitora de Extensão, recebeu em seu gabinete três integrantes do Projeto Clube de Libras UFC: profª. Marina Figueiredo, Geisiele Souza e Karen Clark. Como vice-coordenadora do projeto e também integrante da Comunidade Surda, a profª. Marina pôde explicar os avanços obtidos pela ação extensionista em pauta, bem como apresentar os planos para o segundo semestre de 2021 e para 2022 em diante.

Por conhecer bem todos os desafios que a Comunidade Surda enfrenta, a Profª. Marina enfatizou que a Universidade Federal do Ceará, pelo seu papel social, tem uma oportunidade muito ampla para atuar na causa da difusão da Língua Brasileira de Sinais (Libras). Muitos surdos se sentem preteridos em seus direitos básicos, já que uma parcela ainda pequena da população conhece a Libras o suficiente para uma comunicação básica. Desta forma, é vital que a universidade prossiga em seus esforços de expansão deste conhecimento, e neste sentido, o Projeto Clube de Libras UFC tem tido um destaque especial.

Breve momento para o ‘clique’ dos rostos da profª. Marina, Karen, profª. Elizabeth e Geisiele

Desde 2020, quando foi fundado (ressalte-se que seu nascedouro foi na própria Pró-Reitoria de Extensão), este projeto tem promovido ‘clubes’ de Libras, e alguns com temas específicos sob demandas que são remetidas para o e-mail do projeto. Embora tenha havido uma parcela de desistentes, em virtude da pandemia e de outras contingências, o contato que os participantes têm com a Libras surte dois efeitos: o de mais valorização e respeito à Comunidade Surda e um interesse maior pela Língua Brasileira de Sinais, inclusive havendo um sentimento de ‘multiplicadores’, ou seja, os participantes se empolgam com o conhecimento da Libras e induzem amigos e parentes para também abraçarem este aprendizado.

A Profa. Elizabeth, que teve uma participação importante na criação do projeto ao aprová-lo e ceder uma das integrantes da Prex, no caso, a servidora Karen, para atuar no mesmo, compreendeu a necessidade de expansão do projeto e sugeriu algumas medidas para a captação de mais integrantes para as atividades. Também apreciou a ideia da criação de um projeto paralelo, também extensionista, voltado igualmente à difusão da Libras e, por fim, foi ‘batizada’, pela Profª. Marina, com um sinal pessoal de seu nome em Libras.

Concluindo, foi uma manhã de trocas muito ricas e de boas perspectivas extensionistas, conduzidas no âmbito da UFC, para a expansão da Língua Brasileira de Sinais.

Mais informações sobre o Projeto Clube de Libras UFC podem ser obtidas por meio de seu site, www.clubedelibras.ufc.br, e de suas mídias sociais no Instagram e Youtube.

Fonte: Pró-Reitoria de Extensão da UFC

Acessar Ir para o topo